LiveZilla Live Help
Semipresencial
Acesso do Aluno Início
GRADUAÇÃO (47) 3025-5077
PÓS-GRADUAÇÃO (47) 3025-5077
WHATSAPP (47) 99943-0498

Notícias

Professora da Aupex toma posse na Academia de Letras do Brasil - Seccional Barra Velha

Professora da Aupex toma posse na Academia de Letras do Brasil - Seccional Barra Velha
28/02/2018

Quem a conhece já a reconhece só de ouvir a risada contagiante, ainda que distante. Se você estiver mais perto vai perceber o bom humor nítido que ela contempla, não importando se é segunda-feira ou sábado. Dilcicléia Gonçalves de Barros, popularmente conhecida como Dilci, além de risonha e bem-humorada chama a atenção por sua formação profissional e pela carreira que construiu em Barra Velha, município onde reside, e em Joinville, cidade onde já formou centenas de pedagogas pela faculdade da Aupex/Uniasselvi.  A professora passou a integrar desde o último 24 de fevereiro, a Academia de Letras do Brasil de Santa Catarina na Seccional de Barra Velha cuja Cadeira Perpétua é o número 21  – Patrono “Mário Quintana”.

Para quem não esperava se tornar membro da Academia de Letras da seccional de sua cidade, eis os motivos que embasam o convite à tamanha honra. “Eu vejo que essa responsabilidade em assumir esta ‘Cadeira’ é fruto de um trabalho que desenvolvo há  décadas em minha região. Sempre fui muito atuante na área de literatura, em projetos sociais e educacionais,  na realização de teatros e, principalmente, com poesias e acrósticos, trabalho que me tornou muito conhecida na região”, descreve.

 A tutora de Pedagogia e dos demais cursos de Licenciatura da Aupex/Uniasselvi  credita esta conquista a sua mãe que também era professora e a instigou a se apaixonar pela área de Letras.” Sou resultado desta formação!”, complementa. Dilcicléia ressalta algumas conquistas importantes em sua carreira: Destaque Nacional no Concurso de Poesia Denatran - IX Prêmio de Poesia; Delegada Nacional na Defesa da Igualdade Racial; atuante em programas sociais como o Peti – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Mulheres Mil e Sentinela;  colunista nos jornais “O Comércio”, “O Litoral” e escritora de contos, crônicas e poesias. 

Anos antes de concluir o Magistério, em 1999, e a faculdade de Pedagogia com habilitação em Gestão Escolar, Dilcicléia atuava como auxiliar de serviços gerais, função que ela exalta com orgulho em sua vida, indicando que a partir deste momento é que iniciou sua vida profissional. Nessa época, a professora ainda estava em seu primeiro casamento onde revela ter sido vítima de violência doméstica por 22 anos.  Hoje, em seu segundo casamento, ela declara que o amor e o respeito compõem a base da união.

Mãe de quatro filhos (idades: 32,29, 26 e três anos), Dilcicléia tem o filho caçula, adotivo, como xodó.  “Deus enviou para minha vida uma criança abençoada, chamada Davi, que como o próprio significa ‘O Amado’, é a ressignificação da nossa família, possibilitado pelo ato de adoção. Hoje, não lembramos como era nossa vida antes do Davi”, afirma, emocionada.

Pós-graduada em Educação Infantil, Anos Iniciais e Gestão na Educação e em Docência no Ensino Superior, Dilciléia continua estudando a fim de continuar se atualizando na área de Educação. Cinco vezes por semana, a professora sai do litoral de Barra Velha rumo a Joinville para ministrar as aulas em sua turma de acadêmicos na Aupex/Uniasselvi.  No turno diurno, a professora dá aulas no Ensino Fundamental municipal de sua cidade. Apaixonada pela Educação, Dilcicléia não reclama da rotina puxada.  O segredo é fazer o que ama. O reconhecimento se torna uma consequência.

 

Fotos: Divulgação

Comentários

Deixe seu Comentário


Voltar